Anúncio do iOS 6

Hoje foi o dia da renovação dos produtos e softwares da Apple no evento WWDC 2012. Um dos produtos anunciados naturalmente foi o iOS 6, a próxima versão do sistema mobile da maçã que equipa iPhones, iPads e iPods touch. Ele deve chegar pouco antes do final do ano para iPhone 3GS, 4 e 4S, iPad 2 e 3 e para o iPod touch de quarta geração.
iOS 6
Esta versão abandona o sistema de mapas do Google. A experiência do mecanismo próprio da Apple parece interessante e atualizada a par com as novidades do Google Maps, como a navegação 3D mais “realista”. Ele oferece navegação curva a curva, traz dados do tráfego e condições de tempo e busca em locais. Há uma certa integração com o Siri no 4S. Ele também é vetorial, o que significa downloads menores a cada movimentação e maior facilidade em armazenar os dados das vias em cache.
A Siri ficou mais inteligente, mas ainda não fala português. Agora há suoprte a 15 idiomas. Há mais integração com filmes e restaurantes (usando serviços como Rotten Tomatoes, OpenTable e Yelp). A nova função Eyes Free permite ativar o assistente de voz da Siri para uso no carro.
Agora o sistema tem integração com o Facebook para todo lado, até mais do que no Twitter. Contatos, apps, músicas e filmes da iTunes Store, tudo isso conta com integração com o Facebook, seja para curtir itens ou para compartilhar, dependendo do aplicativo. O Twitter continua presente no menu de ações do sistema. Há uma grande crítica ao iOS nesse sentido: as redes sociais são integradas diretamente no software (hard-coded). Seria mais interessante se fosse aberto aos desenvolvedores para usar o aplicativo desejado.
Entre outras alterações temos melhorias no Safari, app de e-mail (que destaca e-mails de contatos importantes) e compartilhamento de fotos do Photo Stream. O Passbook é um novo app para carregar ingressos virtuais, que podem ser atualizados automaticamente. Ele serve para entrada em eventos, aeroportos, e qualquer tipo de estabelecimento que o aceite (é meio difícil prever o uso por aqui tão cedo).
Na parte de telefonia há adições leves. Dá para deixar o telefone no modo “não perturbe”, em que nenhuma notificação será exibida, exceto para os contatos preferidos ou para quem ligar mais de uma vez em menos de alguns minutos.



Modo não perturbe
Imagem via The Verge



Agora dá para responder uma ligação com uma mensagem curta automática (como “estou ocupado”, “ligue daqui a pouco”, e por aí vai).
O Facetime ganhou alguns aprimoramentos muito esperados também: ele pode funcionar pela rede de dados móvel (antes era só por Wi-Fi).
Por fim, as ligações podem ser respondidas pelo iPad ou até mesmo pelo Mac, pois o número de telefone pode ser associado à Apple ID. Esse é um dos pequenos recursos que farão muita diferença prática.
O beta do iOS 6 está disponível aos desenvolvedores cadastrados. Veja mais no press release. O vídeo do evento deve ser disponibilizado nesta página.
Anúncios
Esse post foi publicado em APPLE, iOS. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s