Quase 90% dos principais sites permitem que usuários sejam rastreados

Qual a importância do uso de cookies de rastreamento que são plantados em seu computador, depois de navegar em sites, para que ele possa acompanhar o que você está fazendo? Acontece que não somente os grandes sites gostam de usá-los, eles também empurram goela abaixo cookies de terceiros.
De acordo com a Keynote Systems, uma análise que fez rastreamento comportamental online em 269 sites raiz em quatro setores diferentes – “notícias e mídia”, “serviços financeiros”, “viagens e hospitalidade”, e “varejo” -, 86% dos sites colocam um ou mais cookies de terceiros em seus visitantes.
A Keynote Systems também diz que 60% desses terceiros tiveram, pelo menos, um rastreador que não prometeu cumprir com pelo menos um padrão de monitoramento comum.
A empresa afirmou que, dos 211 rastreadores terceirizados, “apenas um se comprometeu a honrar com a solicitação de um visitante para não ser rastreado pelo novo recurso ‘não quero ser rastreado’.” Isto dá aos consumidores uma maneira de escolher. A Keynote diz também ter verificado se houve uma “promessa de manter dados anônimos.”
A Keynote descobriu que quase todos os sites das categorias “viagem e hospitalidade” e “notícias e mídia” têm cookies de rastreamento de terceiros. Os sites de “notícia e mídia” disseram “expor os visitantes do site para uma média de 14 empresas de rastreamento terceirizadas durante o curso de uma visita típica.” A Keynote também acrescenta que foi “surpreendente” que três em cada quatro sites na categoria “serviços financeiros” também “expõem os visitantes a rastreamento de terceiros.”

A Keynote Systems diz que o fenômeno de rastreamento é motivado pela publicidade. “A publicidade comportamental, um uso comum de dados de rastreamento de terceiros, é uma prática cada vez mais comum na rede e uma das principais maneiras com que sites financiam suas operações. Cookies de rastreamento de terceiros são colocados nos browsers dos visitantes do site para rastrear os cliques de um usuário e o caminho que ele fez na Internet. Eles também podem anotar coisas como o que o visitante compra e para onde o visitante vai, uma vez ele deixa uma página.”

O diretor de serviços de privacidade da Keynote, Ray Everett, diz que tudo reflete uma “mentalidade de ‘faroeste selvagem'” e que “empresas de rastreamento agressivo” poderiam colocar editores do site em uma posição difícil e, até mesmo, expô-los ao risco legal. Mas ele aponta que o “fardo de policiar rastreamento de terceiros recai sobre os ombros dos editores do site”, porque eles são claramente responsáveis ​​pelo seu conteúdo e reputação da marca.
Via: IDG Now
Anúncios
Esse post foi publicado em INTERNET, NAVEGADORES, PRIVACIDADE, SEGURANÇA. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s