Sistema de navegação indoor usando o campo magnético da terra

O uso do GPS solucionou quase que completamente o problema da navegação externa, permitindo não apenas saber sua localização, mas também desfrutar de um sistema de navegação confiável, disponível em praticamente qualquer parte do mundo.
O grande problema com o GPS é que ele não funciona dentro de locais cobertos, incluindo estações de metrô, shoppings e mercados, aeroportos e assim por diante. Como hoje em dia muitos destes locais podem ser maiores do que muitos quarteirões, oferecer sistemas de navegação dentro destas construções se tornou um novo desafio.
As soluções são genericamente chamadas de IPS (indoor navigation system) e englobam ideias das mais mirabolantes, como o uso de micro-transmissores bluetooth, sistemas de etiquetas inteligentes, uso de múltiplos pontos de acesso Wi-Fi e assim por diante. Entretanto, desenvolvedores da Universidade de Oulu na Finlândia estão propondo um sistema mais simples, que não envolve o uso de hardware adicional.
O novo sistema é baseado no uso do campo magnético da Terra, algo que pode ser monitorado usando o magnetômetro presente em praticamente todos os aparelhos atuais. Normalmente, o campo magnético da Terra é usado apenas para obter a direção, mas os pesquisadores desenvolveram um sistema que monitora as variações no campo magnético introduzidas por paredes de concreto e outros obstáculos construídos pelo homem, o que em conjunto com a boa sensibilidade dos magnetômetros usados nos aparelhos atuais permite determinar a posição dentro de ambientes cobertos com uma precisão de até 10 centímetros, funcionando muito bem como uma espécie de GPS para ambientes cobertos.
Este vídeo de demonstração oferece uma ideia básica sobre o funcionamento do sistema:

A principal dificuldade é que é preciso inserir manualmente um mapa magnético de cada local dentro do serviço. Este mapa pode ser construído de forma relativamente simples, desenhando um mapa interno da construção e em seguida percorrer o espaço usando um smartphone rodando um aplicativo para obter as informações necessárias e dar upload para o serviço.

O serviço ainda está em sua infância, mas ele já enfrenta algumas dificuldades para se tornar viável. A primeira é que ele depende da cooperação dos proprietários e funcionários de cada local, que precisam gerar e enviar os mapas. A segunda é que o próprio campo magnético da Terra muda constantemente, o que torna necessário que os mapas sejam atualizados a cada 5 anos ou menos para que as informações se mantenham atualizadas. A terceira é que o serviço depende de os usuários baixarem o aplicativo (ou de o sistema ser incorporado o Google Maps e outros serviços de navegação) e que realmente o utilizem. Como sempre, a empresa está pretendendo ganhar com a exibição de anúncios e campanhas de marketing segmentadas. Ao visitar um shopping, por exemplo, talvez você receba anúncios de lojas com promoções, por exemplo.

Via: Hardware

Anúncios
Esse post foi publicado em GPS, IPS, NOTÍCIAS. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s