Lexmark anuncia que vai parar de fabricar impressoras inkjet

A Lexmark International, fabricante de hardware e software para impressão e imagem, anunciou hoje planos de reestruturação da companhia que incluem a sua saída do mercado de impressoras jato de tinta (inkjet). A decisão implica no fechamento da fábrica de impressoras que a empresa possui nas Filipinas, até 2015, e a demissão de 1,7 mil funcionários mundialmente, sendo que 1,1 mil são ligados à fábrica.
Segundo a Lexmark, a medida faz parte do seu programa de economia e reestruturação financeira e deverá gerar redução anual de custos da ordem de 95 milhões de dólares quando estiver totalmente finalizado. A continuará a prover serviços, suporte e suprimentos para sua base instalada de impressoras jato de tinta, segmento que segundo a empresa despencou 66% no primeiro semestre de 2012, o que forçou a companhia a cortar sua previsão de desempenho para o ano.
“O anúncio de hoje espelha decisões difíceis que são necessárias para melhorar a lucrativade e gerar economia. Nossos investimentos vão se concentrar em soluções de alto custo de hardware e software para imagem”, disse Paul Rooke, presidente e CEO da Lexmark, no comunicado.
As ações de reestruturação e eliminação da área de inkjet da Lexmark vão se alongar até 2015, com o fechamento final da fábrica de Cebu, nas Filipinas, mas já em 2013 devem impactar contratos com fornecedores e terceiros, estoque, canais de distribuição e inventário.
A empresa atua no Brasil e tem vendas de impressoras inkjet. Até o momento ainda não foram anunciados como os planos globais vão afetar a empresa localmente.
 
Foco nas impressoras laser
Com a reestruturação, a Lexmark deve se concentrar em segmentos de imagem e software, mais rentáveis. A companhia pretende focar no segmento de impressoras laser mais sofisticadas em detrimento dos equipamentos de uso doméstico, e para tal está investindo em seus serviços de impressão por meio várias aquisições nos últimos dois anos.
Opinião do Blog!
“Desde que eu comecei a entender o mundo da informática as impressoras Lexmark, nunca foram aquela coisa de nos deixar admirados pela sua qualidade e lembro-me dos problema com Cartuchos e a mecânica delas também eram muito complicadas de se trabalhar! Então já faz muito tempo que a Lexmark tinha perdido no ramo Ink Jet. Agora posso falar bem da qualidade das impressoras a Laser que realmente são muito boas e pelo que eu já puder ver e usar, elas tem tudo pra ficar no topo.”
Via: IDG Now
Anúncios
Esse post foi publicado em LEXMARK, MERCADO, NOTÍCIAS. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s