Linux: Conheça a lista das 10 distros mais populares de 2012

Entre as inovações que surgem praticamente todos os dias e a taxa constante de mudanças no geral, as coisas nunca permanecem as mesmas por muito tempo no mundo da tecnologia.
Por exemplo: a página do DistroWatchregistra o ranking de distribuição do Linux. Eu tenho acompanhado o top 10 do site a cada final de ano, pelos últimos dois anos, e as diferenças nunca deixam de impressionar.
Em setembro de 2012, o top 10 era parecido com isso, como disse em um artigo que escrevi à época.
1) Ubuntu
2) Fedora
3) Linux Mint
4) openSUSE
5) PCLinuxOS
6) Debian
7) Mandriva
8) Sabayon
9) Arch Linux
10) Puppy Linux
O ranking em 2011
Um ano depois, o cenário era bem diferente. Ao final de dezembro, o top 10 do DistroWatch era parecido com isso:
1) Linux Mint
2) Ubuntu
3) Fedora
4) openSUSE
5) Debian
6) Arch Linux
7) PCLinuxOS
8) CentOS
9) Puppy Linux
10) Mandriva
Em tempo recorde, o ranking mudou mais uma vez no final de 2012.
Top 10 em 2012
Claro que deve-se notar que as listas do DistroWatch são simplesmente uma página de registro dos rankings e, por isso, não são necessariamente indicativos da popularidade de uso no mundo real. No entanto, como uma das poucas medidas que temos na comunidade Linux, é particularmente interessante as mudanças reveladas ao longo do tempo.
Sem mais delongas, é assim que ficaram as coisas no ranking de seis meses da DistroWatch no final de 2012.
1. Linux Mint
Segurando firme sua posição de dominância conquistada no ano passado, o Linux Mint continua em 1º lugar no DistroWatch. Atualmente na versão 14 “Nadia”, o Mint, baseado em Ubuntu, tem visto um número de desenvolvimentos interessantes ao longo do ano passado, incluindo o lançamento de ambos mintBox e a loja do Linux Mint.

2. Mageia
Talvez o mais intrigante de toda a lista é o fato do Mageia ter rapidamente alcançado a segunda posição. Embora tenha nascido como um fork do Mandriva em 2010, o Mageia não apareceu na lista do DistroWatch nos últimos dois anos. Este ano, porém, o Mandriva desapareceu da lista, enquanto o Mageia saltou para muito perto do topo.

3. Ubuntu
Pode ser que o Ubuntu seja o número 3 atualmente, mas ele continua a dominar muitas manchetes relacionadas ao Linux. Com o lançamento do Ubuntu 12.10 “Quantal Quetzal”, muitos consideraram o OS um concorrente do Windows. Ao mesmo tempo, muitas decisões feitas pela Canonical ao longo do último ano geraram polêmica, muito além das da interface Unity.

4. Fedora
Esta versão gratuita da Red Hat Enterprise Linux permaneceu como líder na lista do DistroWatch, e este ano caiu apenas uma posição, assumindo o quarto lugar. Atualmente na versão 17, ou “Beefy Miracle”, os pontos fortes do software incluem excelência em segurança, boa usabilidade, escolha de desktop, recursos em nuvem e características comerciais fortes.

5. openSUSE
Também se mantendo relativamente estável temos a openSUSE. Velocidade mais rápida e uma infraestrutura mais avançada estão entre os novos recursos adicionados ao openSUSE 12.2, lançado em setembro.

6. Debian
Também há a Debian, que tem alternado entre as posições 5 e 6 ao longo dos últimos anos. Amplamente considerado o avô das distros, a Debian rotineiramente alcança os melhores lugares em concursos de popularidade de muitos tipos.

7. Arch Linux
O Arch é outra Distribuição Linux que tem se colocado bem em alguns concursos de popularidade ao longo do ano passado, e caiu apenas uma posição, ficando em 7º lugar. A nova distro chamada “Cinnarch”, entretanto, adiciona um novo desktop Cinnamon .

8. PCLinuxOS
Em uma posição um pouco abaixo de onde estava no ano passado, o PCLinuxOS permanece uma Distribuição Linux completa bastante popular com o atraente desktop KDE e a versão “MiniMe”.

9. Zorin OS
Tão intrigante quanto o aparecimento do Mageia no top 10 deste ano é o aparecimento de Zorin OS, que está atualmente na versão 6.1. Baseado no Ubuntu, Zorin é particularmente conhecido por oferecer uma transição fácil, especialmente para usuários de Windows.

10. CentOS
Por último, mas não menos importante, em 10º lugar na lista da DistroWatch temos o CentOS, que classificou-se em 8º na lista do ano passado. Lançado em julho, o CentOS 6.3 é a Distribuição Linux para a classe empresarial derivado do Red Hat Enterprise Linux 6.3.
Via: IDG Now

Anúncios
Esse post foi publicado em DISTRIBUIÇÃO, Linux, NOTÍCIAS, SISTEMA OPERACIONAIS. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s