Apple ficou com invejinha dos selfies da Samsung

Laguna_EllenDeGeneres_Selfie

 

 

A Apple até tem alguma coisa para tripudiar em cima da Samsung, já que a justiça novamente decidiu que a empresa coreana viola patentes de Cupertino. Resultado: a Sammy terá que pagar mais US$ 119,6 milhões à maçã, embora eu não considere tanto uma vitória assim, se levarmos em conta quanto ambas gastam nos tribunais. Por outro lado, as recentes ações agressivas de marketing da Samsung finalmente despertaram a a atenção da Apple, que tradicionalmente não costuma realizar ações virais para promover seu produtos.

 

 

 

 

Desnecessário dizer que o estopim para a mudança de pensamento de Cupertino foi a grande ação realizada pela Samsung no Oscar junto à apresentadora Ellen DeGeneres. Ainda que muita gente lembre que o principal aparelho dela seja de fato um iPhone, a verdade é que o alcance da premiação é absurdo, e as pessoas serão influenciadas pelo que um artista estiver usando/exibindo. Não foi o logo da maçã que brilhou nas TVs de milhões em todo mundo e sim o nome da Samsung, isso é o que importa. Na sequência a Sammy repetiu a dose fechando um contrato com o jogador do Boston Red Sox David “Big Papi” Ortiz, que conseguiu tirar um selfie com Barack Obama. Claro que a repercussão não foi das melhores (a Casa Branca não gostou nada de Obama virar garoto-propaganda contra sua vontade), mas ainda assim a Samsung conseguiu mais um buzz em cima da foto.

 

 

A Apple nunca precisou disso, pois se considerava auto-suficiente e seus produtos venderiam sozinhos, sem marketing agressivo. Só que todo grande evento a Samsung fecha contratos com Deus e o mundo para que artistas e atletas utilizem seus dispositivos, o que reduz a visibilidade dos iGadgets e consequentemente parte das vendas. E isso a Apple não vai permitir: ela recentemente abriu uma vaga de gerente de buzz marketing, e a função que ele terá que exercer é bem clara:

(…) Exposição constante e convincente dos produtos Apple junto a usuários de alto nível, especialmente envolvidos com cinema e televisão. A cargo também diz respeito a ações-chave envolvendo iTunes e Apple Retail Stores.

O novo gerente será encarregado de desenvolver campanhas de marketing agressivas tais como as empregadas pela Samsung, utilizando personalidades para promover os gadgets e alinhar as campanhas com o iTunes e as lojas físicas. Com o tempo será mais comum visualizarmos iPhones e iPads em programas de TV, séries e filmes ao invés do cenário de hoje, onde ninguém parece engolir o fato que todo mundo nessas mídias usam Androids ou Windows Phones.

 

 

Via: Meiobit

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s